Bioágua Familiar é destaque na TV

capaA edição do dia 18 de outubro do Jornal Nacional exibiu uma reportagem sobre o funcionamento e benefícios do Bioágua Familiar, apresentando-o como uma alternativa para diminuir a escassez de água no Semiárido Nordestino. A matéria mostrou a experiência desenvolvida em Pernambuco pela ONG Caatinga, a qual conheceu a tecnologia social de reuso de água cinza por meio do Projeto Bioágua Familiar, que realiza intercâmbios para técnicos e agricultores de diferentes localidades com objetivo de expandir o conhecimento sobre o Bioágua e permitir que mais famílias agricultoras tenham acesso à tecnologia.

O Bioágua vem se desenvolvendo desde 2009, quando a primeira casa recebeu o sistema. A tecnologia é resultado de uma parceria entre o Projeto Dom Helder Camara (SDT/MDA/FIDA), a  Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa) e a organização não governamental Assessoria, Consultoria e Capacitação Técnica Orientada Sustentável (Atos). Com o patrocínio da Petrobras, através do Programa Petrobras Socioambiental, 200 Sistemas Bioágua Familiar (SBF) estão em implantação em nove municípios do Sertão do Apodi, no Rio Grande do Norte.

O projeto do Bioágua Familiar apresenta uma significativa contribuição socioeconômica e ambiental para as famílias agricultoras da região semiárida brasileira. Ao mesmo tempo que resolve o problema de poluição ambiental, a água cinza, o sistema promove a segurança alimentar por meio da produção de alimentos com o uso agrícola da água pós-tratada pelo filtro biológico.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s